Já conhece o Olaplex? Eu usei e aprovei!

Olaplex_3Quem faz processos químicos no cabelo sabe que é inevitável que ele fique mais sensibilizado. No meu caso então, tem dois agravantes: os fios são fininhos e ralos (apesar de não parecer). A frase que mais ouço ao sentar na cadeira dos salões é “nossa, seu cabelo parece de criança”. Agora somem a isso o fato de que há mais ou menos 1 ano resolvi platinar o cabelo! Claro que eu não ia entregar minha cabeleira nas mãos de qualquer profissional, mas mesmo assim, senti a fibra capilar mais porosa. Não tem jeito. De lá pra cá, venho investindo em cauterizações mensais e também uso a máscara de nutrição em todas as lavagens. Ajudou muito. Só que aí já estava na hora de retocar as luzes e até minha médica já tinha autorizado o retoque, desde sem encostar na raiz, mas batia aquele medinho de colocar toda a recuperação a perder.

Testando o produto no salão Studio W
Testando o produto no salão Studio W

Foi quando conheci, de fato, esse produtinho incrível chamado Olaplex. Eu já tinha lido sobre ele e visto que famosas, como Jennifez Lopez, Lady Gaga, Emma Stone e Beyonce eram fãs. Então, imaginem minha curiosidade, né?!

O que tão especial ele faz? Bem, na prática, ele deixa o cabelo mais forte e saudável, preparado para um processo químico mais power, como descolorações, alisamentos e afins. Sabe quando você quer dar aquela radicalizada na cor e ir de um cabelo mais natural para um platinado, como eu fui, por exemplo? Pois então, ele torna possível até mesmo os processos que não poderiam ser feitos.

Lendo a composição e conversando com a educadora técnica do produto descobri que o segredo está na formulação, que é, no mínimo, inovadora: imaginem que no lugar de milhares de ingredientes, silicones e óleos, existe apenas 1 ingrediente. Isso mesmo! E ele é formado por carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio, chamado de Bis-Aminopropyl. Vou explicar o que isso significa na prática: todos esses componentes químicos são capazes de agir mais rápido que o oxigênio da água oxigenada, usada para descolorir o cabelo. Assim, quando o processo de descoloração vai detonar os fios, o produto já chegou na frente, barrando a destruição e mantendo a integridade da fibra.

Vejam como o cabelo ficou brilhoso e com aspecto de hidratado
Vejam como o cabelo ficou brilhoso e com aspecto de hidratado

Na ocasião do meu retoque de luzes, a cabeleireira Tereza Paiva, do Studio W JK Iguatemi, aplicou o produto juntamente com o pó descolorante, o que funcionou como um aditivo para o processo. Depois de enxaguar a química o passo 2, que é um creme, foi aplicado novamente, complementando o trabalho. Agora cabe a mim continuar o serviço de manutenção em casa. Para isso, vou começar a usar o produto nº 3.

Amei o resultado e a cor, feita pela talentosa Tereza Paiva
Amei o resultado e a cor, feita pela talentosa Tereza Paiva

Até onde sei esse serviço é exclusivo dos salões e também pode ser usado para tratamento antiquebra, mas vale entrar no site de Olaplex para ter mais informações.

Posts relacionados