Curso para pais de primeira viagem: vale a pena fazer?

curso de gestante

Agora que estou grávida me deparo com milhares de dúvidas que antes nem passavam pela minha cabeça. Muito disso se deve ao fato de eu ser mãe de primeira viagem, então tudo o que vejo é novidade. E ao mesmo tempo em que faço pesquisas em livros, revistas e muitos outros blogs bacanas de maternidade, percebo que alguns questionamentos ainda ficam sem resposta. Mas, ok. Isso é a maternidade: nem sempre encontramos a resposta que precisamos na hora que queremos. Muita coisa só se aprende com a prática, e isso é fato. Mas, tenho pensado bastante em conhecer melhor esses cursos voltados às grávidas, especialmente para as que são marinheiras de primeira viagem. Por isso, conversei com duas experts no assunto, as baby planners Carol Baldin e Andressa Isola, que são fundadoras do Instituto Mãe, em São Paulo. Se você também quer saber mais sobre o que pode encontrar num curso desses, veja o nosso bate papo.
Mãe aos 40: Qual é a importância de fazer um curso de gestante/pais de primeira viagem?
Carol e Andressa: Muitos pais e mães de primeira viagem sentem-se inseguros com a chegada do bebê. Surgem muitas dúvidas. A ideia do curso é ajudar essas famílias, sempre promovendo um ambiente descontraído, confortável e acolhedor, que favoreça a participação dos casais. Além disso, passamos as informações de uma maneira muito leve, neutra e instigamos que as famílias usem aquelas informações da melhor maneira que funcionar para elas. Não existe regra quando falamos de maternidade.
Mãe aos 40: O que os pais vão aprender no curso?
Carol e Andressa: O curso é dividido em partes, sendo que falamos sobre qual é o enxoval essencial para o bebê, como pensar e fazer a mala da maternidade, os mitos e verdades sobre o sono do bebê, as transformações e adaptações do pós-parto, os cuidados com o bebê, aí inclusos a troca de fralda, o banho e os cuidados com o umbigo; quais são os mitos e verdade sobre a gestação, além de bater um papo com os pais sobre a vida após a chegada dos filhos. E esse ano teremos a participação de uma pediatra falando especificamente sobre o choro do bebê, que é um assunto que gera muitas incertezas e angústias nos pais.
Mãe aos 40: Qual é a importância da participação dos companheiros no curso, ao lado da gestante?
Carol e Andressa: O ideal é que os pais/companheiros participem do curso porque se trata de um momento família. E direcionamos bastante o conteúdo para a participação deles também. Eles saem de lá super animados e agradecidos, com um norte de como cuidar da esposa, do filho e de si próprio nessa nova etapa! Mas a gestante pode ir sozinha também ou com a mãe, a avó…fica a critério dela.

Mãe aos 40: O curso é feito em turmas? São muitas pessoas na mesma sala?
Carol e Andressa: Nos preocupamos em ter uma turma pequena em cada curso. Assim, a interação dos participantes flui melhor. Algumas pessoas têm vergonha em participar quanto tem muita gente na sala. Não é o nosso caso. Além disso, já começamos o dia oferecendo um café da manhã, onde as pessoas sentam juntas e começam a conversar, para se conhecerem melhor. Todas as refeições são feitas no espaço do curso. Quando chega no final do dia, todos viraram amigos. É muito gratificante ver essa interação.

Mãe aos 40: Então o curso possibilita novas amizades, com pessoas com interesses em comum. Isso também é importante para as grávidas/pais?
Carol e Andressa: Não é essencial, mas é muito gostoso. Quando estamos grávidas ou temos filhos, os assuntos e prioridades deixam de ser aleatórios e passam a ser sobre nossos filhos. Dividir experiências com alguém que passa por um momento igual é bom. Muitas mulheres se tornam amigas, conversam fora do grupo e algumas mantém esse laço após o nascimento dos filhos, assim eles também tornam-se amigos “desde a barriga”.

Bem, eu pude ter uma ideia mais ampla do que é falado num curso de gestante. Se tiver oportunidade, quero fazer sim! Afinal, nunca é demais aprender, não é mesmo? Para quem quiser saber mais, coloquei abaixo um vídeo sobre como é o ambiente do curso ministrado pelas baby planners. E se ficou alguma dúvida, mande pra nós aqui nos comentários. Teremos o maior prazer em responder. Abraços!

Posts relacionados